AÇÕES

Blog, Vereador

Em noite memorável, as profissões que compõem a Odontologia são homenageadas na Câmara

Publicado em 01/12/2018

Em uma noite memorável, a Odontologia santista foi homenageada na Câmara Municipal de Santos, com a casa cheia, em Sessão Solene em comemoração ao Dia do Dentista (celebrado em 25 de outubro), Dia do Protético Dentário (5 de novembro) e Dia do Técnico em Saúde Bucal (TSB) e do Auxiliar em Saúde Bucal (ASB – 11 de outubro), conforme o Calendário Oficial do Município.

O vereador Braz Antunes, autor das homenagens, fez o discurso de saudação da solenidade, que aconteceu no dia 30 de novembro. “Isso me deixou muito feliz, principalmente porque esta foi uma celebração que teve o objetivo maior de levar informação à população e chamar a atenção das autoridades para a importância da Odontologia para a Saúde, mostrando também os desafios que ainda existem pela frente”, diz o parlamentar, que é Cirurgião Dentista e participa ativamente de diversas entidades odontológicas, como o Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP), Associação Brasileira de Cirurgiões Dentistas (ABCD), Associação Paulista de Cirurgiões Dentistas (APCD), Associação dos Cirurgiões Dentistas da Baixada Santista (ACDBS), Sindicato dos Odontologistas de Santos (Sindiodon) e Associação dos Protéticos Dentários da Baixada Santista e Litoral (APDBSL).

Somente neste ano, Braz teve dois importantes projetos aprovados: o da Odontologia Hospitalar, que agora é Lei e deve ser instituída em hospitais públicos e privados da Cidade, e a Emenda à Lei Orgânica Municipal que prevê assistência odontológica integral e universal, incluindo prevenção, recuperação e reabilitação individual e coletiva, de maneira permanente, dentro das ações de Saúde Pública, como política de Estado, e não de governo, que é transitório.

Em seu discurso na Sessão Solene, o secretário de Saúde de Santos, Fábio Ferraz, anunciou a implantação da Odontologia Hospitalar no Hospital dos Estivadores ainda neste mês.

“A Saúde Bucal é fundamental para garantir boas condições de saúde geral, evitando, inclusive, casos fatais. Bactérias que se reproduzem na boca podem entrar na corrente sanguínea e provocar doenças graves, como a endocardite bacteriana, além de infecções pulmonares. A prevenção é fundamental para evitar complicações. E valorizar a atuação dos profissionais da Odontologia, assim como levar informação à população, é valorizar a Saúde”, diz Braz.

Além do secretário de Saúde, também fizeram parte da mesa Claudio Miyake, representando a APCD Central e a ABCD; Orlando Viscardi, representando o CROSP; o presidente da ACDBS, José Luiz Negrinho, e  o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Luis Antonio da Silva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *